Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 2 de outubro de 2011

Neta da velha Jacutinga no Rock in Rio

Tenho uma neta, chamada Edilásia. Filha de Deoclésia, minha filha com um estivador do Porto, que foi criada como filha legítima de um grande fazendeiro do Sul do Rio Grande do Sul (Sim, eu dei o golpe da barriga, este foi o terceiro em 1958!).

Apesar de não ter criado Deoclésia, e ela se envergonhar por ser uma grandissíssima filha da puta, criei grandes laços com minha neta, que tem a "jacutice" no seu DNA.
Edilásia hoje é uma mulher de 30 anos, que superou a vovó. Ela gosta mesmo do esporte. O seu último feito foi no Rock in Rio.

Ela foi no show do Stevie Wonder, e ficou orgulhosa ao saber que todos os rapazes que ela encontrou no show e eram héteros, ela no mínimo tinha feito sexo oral. Ela contabilizou uns 10.
Coisa bonita de se saber, num festival com proporção de 10 mil pessoas, de todo o Brasil e lugares do mundo.
Ela viu que no Rio de Janeiro não falta quase ninguém pra ela passar o rodo e que o trabalho dela foi gratificante, uma vez q todos vinham falar com ela, felizes e a abraçavam ternamente.
Não sei que outra característica física ela herdou de mim, só sei que com certeza, a boquinha de veludo ela puxou da vovó!

Parabéns, meu amor!

2 comentários:

  1. Não interessa quem joga água, o importante é passar o rodo!!!

    ResponderExcluir
  2. Pode passar o rodo, e me mandar embora. Eu vou ficar dançando lá do lado de fora!

    ResponderExcluir